Notícias‎ > ‎

Guias de Turismo do Brasil estão de LUTO

postado em 21 de nov de 2017 09:48 por Fenagtur Brasil   [ 21 de nov de 2017 13:22 atualizado‎(s)‎ ]
Diante da notícia veiculada em mídias sociais e confirmada pelo Sindicato dos Guias de Turismo de Minas Gerais, que o Guia de Turismo pelo estado de Minas Gerais, Carla Renata dos Santos, faleceu durante traslado que realizava entre os municípios de São João Del Rei e Tiradentes quando retornava para Belo Horizonte, a Federação Nacional dos Guias de Turismo lamenta o triste fato ocorrido e em nome de todos os Guias de Turismo do Brasil, presta os sinceros pêsames aos familiares e amigos da atuante e profissional Guia de Turismo credenciada pelo Ministério do Turismo.

Formada como Guia de Turismo desde 1999, Carla Renata parte deixando saudades de sua alegria constante, sendo considerada pelos amigos uma pessoa comunicativa, responsável e de bem com a vida.

Desde 2017, Carla fazia parte da nova mesa diretora do SINGTUR-MG, Sindicato dos Guias de Turismo de Minas Gerais, como Diretora Secretária, colaborando para o fortalecimento da categoria em seu estado. Para a presidente da entidade, Shirley Bacelar, a categoria perde uma amiga e companheira que sonhava por dias melhores no turismo de MG.

À vista desse caso, quando uma colega de profissão, um prestador de serviço turístico, perdeu sua vida por imprudência de um motorista que não atendeu aos pedidos de várias pessoas para diminuir a velocidade, só nos resta implorar aos órgãos competentes ligados diretamente ao transporte de passageiros e turismo, que busquem aprimorar a segurança entre todos que trabalham com vidas. Que o caso de Carla Renata não seja considerado apenas mais um acidente nas estradas brasileiras, e sim um momento de reflexão para entendermos as deficiências e tentarmos enxergar melhores condições para o turismo brasileiro.

Uma certeza reina, existe alguém nesse momento sendo penalizado pela ausência do poder público nas estradas brasileiras.

E a pergunta que não quer calar, caso os turistas que foram socorridos tivessem mortos, como estaria a situação? Algo seria feito?

Estamos de luto!

FENAGTUR


Carla Renata
Comments